Limpeza de Fukushima vai demorar mais de 40 anos, diz agência nuclear

Após vazamentos e invasão de ratos, a Agência Internacional de Energia Atômica pediu para a empresa administradora de Fukushima “melhorar a confiabilidade de sistemas essenciais”, crucial para “a integridade estrutural das instalações do local” e “para melhorar a proteção contra perigos externos”.

Common Dreams

Os operadores da danificada usina nuclear japonesa de Fukushima devem começar a agir conjuntamente e estabilizar os “sistemas essenciais” da usina, afirmou a Agência Internacional de Energia Atômica nesta semana, dizendo que provavelmente levará mais de 40 anos para desativar corretamente o local.

Em foto tirada pela Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) no dia 17 de abril de 2013, são mostrados membros da Divisão de Tecnologia de Ciclo e Resíduos do Combustível Nuclear da AIEA inspecionando a sala de controle da unidade um e dois prédios de reatores da danificada usina nuclear de Fukushima Dai-chi, em Okuma, província de Fukushima.

Continuar lendo

Fukushima nunca mais! artigo de Carlos Walter Porto-Gonçalves

Foto divulgada pela Tokyo Electric Power CO mostra dano em reator 4

Foto divulgada pela Tokyo Electric Power CO mostra dano em reator 4

Durante anos cientistas e ativistas denunciaram os males do DDT, do agente laranja e outros subprodutos da indústria militar na “guerra contra as pragas”, enfim, na “luta pela dominação da natureza”, particularmente no mundo da agricultura e da pecuária. Continuar lendo