Não foi à toa que a Copa virou símbolo dos protestos

A entrada do Maracanã antes de México x Itália

O fato de a Copa do Mundo ter se transformado em símbolo das reivindicações de parte dos manifestantes que têm ido às ruas do país pegou alguns de surpresa. O Brasil recebeu o direito de sediar o torneio há muito tempo, então por que só agora os problemas chegaram às ruas? Ora, porque graças à movimentação contra os preços das passagens de transporte público o agora se tornou o momento certo de expor as insatisfações.

Continuar lendo