Obama fala em alternativas à política antidrogas na América Latina, mas rechaça legalização

Presidente disse ainda que as novas políticas sobre o tema devem considerar também a demanda norte-americana por drogas

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou neste sábado (14/04) durante seu discurso na 6ª Cúpula das Américas, em Cartagena, na Colômbia, que é favorável ao debate de novas alternativas para a atual política antidrogas na América Latina. Obama, no entanto, rechaçou a hipótese de legalizar os entorpecentes na região.

Obama participou de uma conversa com Dilma Roussef e Juan Manuel Santos

Obama participou de uma conversa com Dilma Roussef e Juan Manuel Santos

Continuar lendo